Na defesa das extensões de saúde de Arnoso e do Louro

Junta de ArnosoNo seguimento da decisão do governo através da ARS Norte de encerrar as extensões de saúde de Arnoso Sta. Maria e do Louro, o Bloco de Esquerda de V. N. de Famalicão reuniu com a junta de freguesia da união de freguesias de Arnoso e Sezures. Este encontro serviu para o BE mostrar a sua solidariedade às populações e às autarquias abrangidas e conhecer mais de perto as iniciativas já levadas a cabo pela autarquia local e pela população com vista a garantir a continuidade dos serviços primários de saúde.

O fecho anunciado da extensão de saúde local e a sua transferência para Nine terá um impacto muito negativo numa população bastante envelhecida e muita dela com grandes carências económicas. Acresce ainda o facto de, praticamente não existirem transportes públicos que respondam às necessidades de deslocação até à freguesia de Nine.

De registar a grande insensibilidade do Governo PSD/CDS manifestada pela ARS Norte ao tomar a decisão de encerrar as extensões de saúde de Arnoso St.ª Maria e do Louro unilateralmente sem discutir com os autarcas e representantes da população outras alternativas e sem terem a preocupação de encontrar meios de minimizar os forte impacto que esta alteração irá ter na população.

A permanente falta de médicos nas extensões de saúde em Vila Nova de Famalicão estão a levar cada vez mais famalicenses a optarem por extensões de Braga e de Barcelos, nomeadamente Tebosa, Couto de Cambeses e Viatodos, facto que é de lamentar.

O BE manifestou à junta de freguesia de Arnoso e Sezures, na pessoa do seu presidente Jorge Amaral, total solidariedade para com a população local e também a disponibilidade para colaborar em iniciativas e diligencias para garantir melhores condições de acesso aos serviços de saúde. Nesse sentido, o Bloco de Esquerda informou também o autarca que apresentou ao Ministro da Saúde uma pergunta (em anexo) no sentido de saber quais os motivos que levaram a esta decisão, se o Governo está disponível para reverter esta decisão e manter em funcionamento as extensões de saúde de Arnoso Santa Maria e de Louro e ainda que medidas vão ser implementadas para garantir o transporte dos utentes para a Extensão de saúde de Nine.

O Bloco de Esquerda está profundamente contra a destruição do Serviço Nacional de Saúde SNS e o desprezo manifestado pelo Ministério da Saúde em relação ao direito da população a serviços primários de proximidade e de qualidade.

O BE continuará a defender a manutenção das extensões de saúde que o governo quer encerrar, apoiando as populações e todas as ações de luta que continuem a desenvolver.

Via: BE Famalicão

Deixe um comentário